terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Tema 161: curiosidade

A curiosidade humana é o desejo de ver ou conhecer algo até então desconhecido. Um instinto bem mais presente em crianças e em jovens, o que é fundamental para o  desenvolvimento deles.  Entretanto a  curiosidade pode se tornar perigosa se uma criança quiser, por exemplo, descobrir para que servem os fósforos  sobre o armário da cozinha. Ou se o adolescente  tiver vontade de conhecer a sensação de  beber uma grande quantidade de bebida alcoólica. 

A partir do texto de apoio e de tuas vivências, escreve uma redação sobre o tema:

Curiosidade: porta para o conhecimento  ou   perigo constante?

Tema 160: sexo sem tabu

O sexo ainda é visto como um tabu em nossa sociedade, e os problemas relativos à sexualidade são  bastante  frequentes.  Devido a eles  é  importante acompanhar desde cedo o processo de desenvolvimento dos adolescentes a fim de  prevenir  futuros problemas  como abuso sexual, gravidez não desejada, promiscuidade ou dificuldades sexuais propriamente ditas como frigidez, impotência sexual etc.

A partir do texto de apoio e de tuas vivências, escreve um texto dissertativo-argumentativo, entre 20 e 25 linhas, sobre o tema:

                                                        Sexo  sem tabu

sábado, 30 de novembro de 2013

tema 159: problemas do Brasil

Mais de 500 mil pessoas participaram da pesquisa do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), que apontaram   os    problemas     mais graves do país. As respostas foram filtradas por palavras-chave que indicam a preocupação de cada pessoa. Algumas respostas, que falam de problemas genéricos, foram agrupadas como “políticas públicas”. Abaixo. o percentual de pessoas que citaram cada questão.
1º. Educação: 18%
2º. Violência: 14%
3º. Políticas Públicas: 14%
4º. Emprego: 9%
5º. Saúde: 6%
6º. Meio Ambiente: 5%
7º. Justiça: 3%
8º. Infraestrutura: 2%
9º. Política: 2%
10º. Impostos: 1%
As pessoas podiam citar mais de uma razão. A soma não dá 100% porque algumas respostas não se adequavam à classificação.  Fonte: Época
A partir do texto de apoio e de tuas vivências, escreve um texto dissertativo-argumentativo, entre 15 e 30 linhas, conforme os encaminhamentos:
- escolhe dois problemas da lista que tu julgas serem os mais preocupantes para a sociedade brasileira;
- explica por que escolheste esses problemas, usando  argumentos  pertinentes;
- aponta possíveis soluções para os problemas.

            Lápis só poderá ser usado no rascunho. Passa a redação para a folha definitiva utilizando caneta.


Tema 158: os riscos causados pelo sedentarismo

O sedentarismo está por trás de 13,2% das mortes no Brasil, segundo uma pesquisa publicada pela revista médica Lancet. No País, a inatividade é a causa de 8,2% dos casos de doenças cardíacas, 10,1% dos casos de diabetes tipo 2, 13,4% dos casos de câncer de mama e 14,6% dos casos de câncer de cólon. O número é um dos maiores da América Latina, onde 11,4% das mortes são causadas pelo sedentarismo.
Segundo o cardiologista e médico do esporte Daniel Kopiler, a situação é consequência da evolução tecnológica da sociedade. Atualmente, os jovens são os mais afetados pelo sedentarismo, pois estão mais envolvidos com a tecnologia.
"Hoje temos uma série de materiais que vão facilitar nosso trabalho braçal, mas que de alguma maneira vão diminuir a quantidade de trabalho comparado com o que fazíamos. Esta mudança tecnológica faz com que as pessoas comecem a andar menos e a fazer menos atividades físicas", explicou Kopiler à Agência Efe.
Segundo a última pesquisa feita pelo IBGE em 2010 e divulgada em 2012, 80% dos brasileiros são sedentários, e uma das consequências mais temidas é a obesidade. 
Escreve um texto dissertativo, entre 15 e 25 linhas, sobre o tema:


 Os riscos causados pelo sedentarismo. 

Tema 157: vandalismo

Significado de Vandalismo - s.m. - ato de vândalo.  Destruição de obras de arte, de objetos importantes, por ignorância, selvajaria ou falta de gosto.

Assim sendo, o vandalismo é uma atitude ou um modo de expressão que tem como objetivo tentar destruir uma determinada cultura e sua arte, bem como o patrimônio alheio.  Há vários exemplos de vândalos que, ao encontrarem apoio para despertar dentro de si o potencial artístico que nele habita, e então desenvolvê-lo da melhor maneira possível, abandonam as atitudes agressivas e tornam-se, por exemplo, grafiteiros, uma vez que o grafite é uma forma de arte. Hoje essa questão do vandalismo vem ganhando corpo entre os jovens. Com a intensificação da violência, seus praticantes vêm aprimorando seus métodos, unindo-se em gangues cada vez mais poderosas e letais, não só pichando, danificando o patrimônio público, mas também recorrendo cada vez mais a atos de extrema selvageria, como, por exemplo, queimar pessoas vivas – geralmente aqueles que são excluídos socialmente, como moradores de ruas e indígenas – ou agredir garotas de programa.

Dentro das próprias escolas, alunos detonam bombas nos pátios ou nos banheiros, aterrorizando colegas, professores e diretores. Na opinião dos estudantes, esses atos muitas vezes têm como objetivo chamar a atenção, não só do corpo docente, ou da sociedade, mas também das meninas, pois seus adeptos tentam criar diante delas uma imagem heroica e poderosa. Isto não significa, porém, que as garotas não participem destas ações, uma vez que elas, atualmente, revelam ser, em alguns momentos, mais violentas que os meninos.

Ao contrário da opinião comum, porém, esses atos não acontecem apenas no interior de escolas estaduais, mas são também muito frequentes nos colégios particulares. Assim, não é um problema de classe social, mas educacional, comportamental,  fruto de uma profunda crise de valores, da impunidade, de uma descrença completa em princípios morais básicos, como o respeito, a solidariedade e a aceitação das diferenças.

Os vândalos se julgam, assim, acima do bem e do mal, de qualquer juízo ético. É bem provável, inclusive, que se considerem juízes de seus semelhantes, que, aliás, eles veem a cada momento com um estranhamento crescente, como o ‘outro’ que eles não compreendem e não aceitam. Portanto, esse ser por eles incompreendido é visto com hostilidade, como alguém que os ameaça e que, assim, deve ser destruído, o que se aplica também a toda produção material por eles rejeitada, por um motivo ou por outro.

            A partir  do texto de apoio e de tuas vivências, escreve um texto dissertativo, entre 15 e 30 linhas – incluindo o título -  respondendo à pergunta:

VANDALISMO: ISSO TE REPRESENTA?
           

            Para escreveres teu texto, tu deverás usar argumentos pertinentes  e esclarecer se  praticaria atos de vandalismo. 

156: traumas

Escreve um texto dissertativo-argumentativo, entre 20 e 25 linhas sobre:  

TRAUMAS   PSICOLÓGICOS.  Tu deverás  mencionar como podem ser evitados ou tratados.

Tema 155: Levando em conta as diversas dificuldades que a população do país enfrenta, diga qual tipo de carinho o povo brasileiro necessita?

O Brasil Carinhoso foi  lançado em 2012 e  tem como principal objetivo retirar da miséria todas as famílias com filhos entre zero e quinze  anos. A nova ação, que integra o Plano Brasil Sem Miséria, reforça a transferência de renda e fortalece a educação, com aumento de vagas nas creches e cuidados adicionais na saúde, incluindo a suplementação de vitamina A, ferro e medicação gratuita contra asma.
Toda família brasileira que tenha pelo menos uma criança de zero a quinze anos receberá uma renda mensal de no mínimo de R$ 70 por pessoa da família. O valor será pago no cartão do Bolsa Família no mesmo dia em que as famílias já recebem o benefício.
Serão realizados acordos com as prefeituras para a construção de mais 1.500 creches em todo o país e até o final de 2014, a meta é de 6 mil novas creches.
A medida resultará, de imediato, na redução de 40% dos 16,2 milhões de pessoas que vivem na extrema pobreza, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Entre as crianças de até seis anos, a proporção da redução imediata será de 62% (2,7 milhões de crianças).
A partir do texto de apoio e de suas vivências de mundo, escreva um texto dissertativo-argumentativo, entre 20 e 25 linhas, sobre o tema:


Levando em conta as diversas dificuldades que  a população do país enfrenta, diga  qual tipo de carinho o povo brasileiro necessita?

Tema 154 : Você acredita que o movimento Acorda Brasil, com os diversos manifestos, promoveu mudanças significativas no país?

[...] O país deve ser visto como uma situação estrutural em movimento, na qual cada elemento está intimamente relacionado  com os demais. Agora, porém, no mundo da globalização, o reconhecimento  dessa estrutura é difícil, do mesmo modo que a visualização de um projeto  nacional pode se tornar obscura. Talvez por isso, os projetos das grandes  empresas, impostos pela tirania das finanças e trombeteados pela mídia,  acabem, de um jeito ou de outro, guiando a evolução dos países, em acordo ou
não com as instâncias públicas, frequentemente dóceis e subservientes,  deixando de lado o desenho de uma geopolítica própria a cada nação, que leve  em conta suas características e interesses.
Assim, as noções de destino nacional e de projeto nacional cedem frequentemente à frente da cena a preocupações menores, pragmáticas, imediatistas, inclusive porque, pelas razões já expostas, os partidos  políticos nacionais raramente apresentam plataformas conduzidas por  objetivos políticos e sociais claros e que exprimam visões de conjunto.[...]  - SANTOS, Milton. "Nação ativa, nação passiva." São Paulo: Folha de São Paulo.  21 de novembro de 1999. Em: Grupo Extensivo Premium - 2013 - publicação professor Vagner Guimarães.
A partir da leitura do texto de apoio e de tuas leituras de mundo, escreve um texto dissertativo,  entre 20 e 25 linhas,  respondendo à pergunta:
Você acredita que o movimento  Acorda Brasil, com os diversos manifestos,    promoveu mudanças significativas no país?
Para desenvolver seu texto, entre outros fatores, você deverá levar em conta:
-  o poder e a influência da mídia brasileira;
- a história da política no Brasil;
- as reais necessidades do povo brasileiro.


quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Tema 153: as relações que as pessoas podem estabelecer com os animais.

Imagem: arquivo pessoal de Domênica Rigon


Há quem diga que o cão é o melhor amigo do homem. Outras pessoas  afirmam:  Quanto mais eu conheço o ser humano, mais admiro meu cachorro.  Pesquisas recentes indicam que os animais de estimação reduzem os riscos de algumas doenças. Cães, gatos, cavalos são usados  em terapias, inclusive no hospital Albert Einstein, aqui no Brasil, existe a Pet Terapia, ou seja, locais em que os pacientes internados ou em recuperação recebem seus bichinhos. Os benefícios dos internados são evidentes, entre os resultados testados estão a melhora do sistema imunológico, da autoconfiança, o resgate da autoestima e o aumento da capacidade motora, cognitiva e sensorial.
A partir da imagem e do texto de apoio, escreva um texto dissertativo-argumentativo, entre 15 e 40 linhas, sobre  as  relações  que as  pessoas podem estabelecer com os animais. Para desenvolver o seu texto, você deverá  escolher pelo menos um animal e um tipo de relação, como confiança, cumplicidade, amizade.

Tema 152: crueldade contra animais

Não raro,  animais racionais  buscam  adquirir   animais irracionais   de companhia  ou de  estimação, sendo que isso, muitas vezes, torna-se um problema pela falta de preparo,  de tempo, de vontade para mantê-los  em uma condição  digna de vida; e o destino de muitos bichinhos tem  sido o abandono  e  os maus tratos.
Duas outras  situações envolvendo animais pedem a atenção da sociedade:  o uso de animais  em determinados trabalhos como transporte de carga, e o uso deles em pesquisas científicas.


Mas é preciso tomar cuidado!! Cuidado com os animaizinhos. Cuidado com a legislação. Cuidado com as instituições que estão atentas  e prontas para denunciar e/ou combater qualquer  tipo de violência contra animais.
Escreva um texto dissertativo-argumentativo, entre 15 e 30 linhas,  estabelecendo uma reflexão sobre a  crueldade contra animais.  Para defender seu ponto de vista, você deverá  apontar possíveis soluções para amenizar  esse problema, de forma que a sociedade  entenda que deve respeitar os animais.


Tema 151: consumismo infantil

O apelo das propagandas direcionadas ao público infantil   é tão forte que a maioria das crianças só aceita comprar  produtos de anunciantes famosos. Isso vale para alimentos, roupas, calçados, acessórios, bebidas etc. e promove um consumismo exagerado.
Escreva um texto dissertativo, em prosa, entre 15 e 50 linhas, sobre o tema: consumismo infantil.

Para desenvolver seu texto, você deverá usar argumentos pertinentes. 

Tema 150: Brasil, sede da Copa do Mundo de 2014.

Escreve um texto dissertativo-argumentativo sobre o tema:

Brasil, sede da Copa do Mundo de 2014.

Mínimo: 15 linhas.

Tema 149: obsolescência planejada

Você pode até não saber o que é, mas certamente já foi vítima dela! A obsolescência programada acontece quando há uma ação deliberada da empresa fabricante que força o cliente a adquirir um novo modelo do bem. É o caso dos aparelhos domésticos ou equipamentos eletrônicos. 
Escreve um texto dissertativo-argumentativo sobre o tema: obsolescência  planejada e seus impactos no bolso dos brasileiros.

Tema 148: a importância de consumir água de modo racional.

Várias pesquisas mostram que água potável é um bem que pode acabar.  Com isso, o consumo consciente e a racionalização do uso da água, mesmo no Brasil, são assuntos atuais e fundamentais em toda esfera global. Você sabia, por exemplo, que o maior consumidor de água são os EUA, e seu principal aquífero (Ogallala), responsável por um quinto das terras irrigadas no país, vem sofrendo grandes baixas por causa da exploração humana?
            Escreve uma redação dissertativo-argumentativa, entre 15 e 30 linhas, sobre o tema:
            A importância de consumir  água de modo racional.


            Lembra de apontar sugestões  de como economizar água potável.

Tema 147: legislação trabalhista brasileira

Muitos estudiosos afirmam que nossas leis trabalhistas são antigas, e, às vezes, inadequadas. Recentemente foi aprovada a PEC das domésticas. Faça uma reflexão sobre a legislação trabalhista brasileira, apontando possíveis alternativas de como melhorá-la. Escreva um texto dissertativo-argumentativo, com pelo menos 15 linhas.


Tema 146: doação de órgãos

O assunto é polêmico, pois envolve questões religiosas e pessoais, 

embora  vá ao encontro de curas e tratamentos médicos. Existem

listas  gigantescas de pacientes à  espera de órgãos, mas faltam 

doadores, e a  burocracia para se tornar  um doador é um entrave 

nesse processo.

Escreve um texto dissertativo, entre 15 e 30 linhas, sobre o tema:


           A       DOAÇÃO   DE      ÓRGÃOS  É SINÔNIMO  DE   

VIDA? 

Tema 145: a mulher no século XXI

A cada ano,  a mulher  ganha mais espaço na  sociedade. Mas ainda existem diversos desafios  pela frente, pois elas, em geral, continuam ganhando menos que os homens  e sofrendo diversos preconceitos. Faça um reflexão sobre o tema: a mulher no século XXI,  e escreva um texto dissertativo-argumentativo, entre 15 e 30 linhas. Lembre de apontar alternativas para o problema lançado.

Tema 144: eutanásia



Eutanásia é a prática pela qual se abrevia a vida de um enfermo incurável de maneira controlada e assistida por um especialista. Esse assunto gera polêmica e controvérsia, pois representa atualmente uma complicada questão de bioética e biodireito.

Escreva um texto dissertativo-argumentativo em que você se posicione a favor ou contra a eutanásia. Para elaborar seu texto, você deverá escolher argumentos pertinentes. Escreva pelo menos 15 linhas.

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Tema 143: boate Kiss

A morte de 242 jovens na boate Kiss foi   fatalidade ou negligência?

Escreve um texto dissertativo-argumentativo sobre esse tema, usando argumentos pertinentes e sugerindo  medidas a serem adotadas a fim de evitar novas tragédias como a de Santa Maria.


Tema 142: caos na saúde e importação de médicos



O Ministério da Saúde  importou médicos de outros países. Essa tentativa, segundo o próprio ministro da saúde, visa amenizar a escassez desses profissionais nas regiões mais carentes. Em contrapartida, muitos protestos contra essa medida surgiram em diversos locais do Brasil.

Escreve uma redação dissertativo-argumentativa, entre 15 e 30 linhas,  sobre o tema:


O caos na saúde pública brasileira e da vinda de médicos estrangeiros  para o Brasil.

Tema 141: redução da maioridade penal


A  violência urbana é um dos maiores problemas do nosso país. 
Uma das medidas que vem sendo amplamente discutida nos últimos tempos é a redução da maioridade penal. Escreva um texto dissertativo-argumentativo, entre 15 e 30 linhas, respondendo à pergunta: 

Você é contra ou a favor da redução da maioridade penal? 

Justifique sua resposta com argumentos pertinentes.


quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Tema 140 (Enem): saúde

A partir de manifestações populares, o governo do  Brasil decide  importar médicos estrangeiros para amenizar a escassez de profissionais em determinadas  regiões, e estudantes de medicina de faculdades públicas e privadas terão que trabalhar dois anos no SUS para obterem o diploma. Essas são  algumas medidas tomadas  na tentativa de  amenizar o caos na saúde pública brasileira. 

Faça uma reflexão a respeito da importância de priorizar a saúde. Lembre-se de propor  possíveis soluções para esse problema com base em sua realidade.

Mínimo: 08 linhas.
Máximo: 30 linhas.

Tema 139 (Enem): mobilidade urbana sustentável

O que é mobilidade urbana sustentável
Mobilidade é o grande desafio das cidades contemporâneas, em todas as

partes do mundo. A opção pelo 
automóvel - que parecia ser a resposta eficiente do século XX  à necessidade

de circulação - levou à paralisia 
do trânsito, com desperdício de tempo e de combustível, além dos problemas

ambientais de poluição atmosférica 
e de ocupação do espaço público. No Brasil, a frota de automóveis e de

motocicletas teve crescimento de até 
400% nos últimos dez anos.



Mobilidade urbana sustentável envolve a implantação de sistemas sobre trilhos, 

como metrôs, trens e bondes 

modernos, ônibus "limpos", com integração a ciclovias, esteiras rolantes, 

elevadores de grande capacidade. 

E soluções inovadoras, como os teleféricos de Medellin (Colômbia),

ou o sistema de bicicletas públicas, como 

os implantados em Copenhague, Paris, Barcelona, Bogotá, Boston 

e várias outras cidades mundiais.
Por fim, a mobilidade urbana também demanda calçadas confortáveis,

niveladas, sem buracos 
e sem obstáculos, porque um terço das viagens realizadas nas cidades

 brasileiras é feita a pé ou em 
cadeiras de rodas.
Somente a requalificação dos transportes públicos poderá reduzir o

ronco dos motores e permitir que 
as ruas deixem de ser "vias" de passagem e voltem a ser locais de

convivência.

A partir do texto de apoio e de tuas leituras de mundo, escreve um
texto dissertativo, entre 08 e 30 linhas, 
sobre o tema:

Como a mobilidade urbana sustentável pode 
mudar a qualidade de vida da população brasileira?

Tema 138: mobilidade social

O que é Mobilidade Social:

Mobilidade social significa o fenômeno em que um indivíduo (ou um grupo) que pertence à determinada posição social transita para outra, de acordo com o sistema de estratificação social. Existem dois tipos de mobilidade social: horizontal e vertical.
Mobilidade social horizontal: há uma alteração de posição provocada por fatores geracionais ou profissionais, mas não implica uma mudança de classe social. A mobilidade acontece dentro da mesma classe. Por exemplo, o caso de um trabalhador que migra do interior para a capital. A sua posição social pode se alterar mas o nível de renda não sofre grandes alterações e, por isso, permanece na mesma classe social.
Mobilidade social vertical: há uma alteração de classe social que pode acontecer de forma ascendente (de uma classe baixa para outra superior) ou descendente (de uma classe alta para outra inferior). (texto retirado da internet)

A partir do texto de apoio e de tuas vivência, escreve um texto dissertativo, em prosa, com pelo menos 15 linhas, respondendo à pergunta:

Como    interpretar     a    conjugação    de    mobilidade   com   desigualdade?

Orientação:  escrever sobre a relação entre mobilidade social e desigualdade social.


domingo, 7 de julho de 2013

Tema 137: viver em sociedade...


A partir do texto de apoio e de suas vivências, escreve um texto dissertativo, entre  20 e 50 linhas,  respondendo à pergunta:

Se a sociedade possui regras para que todos vivam  da melhor maneira possível,  convivendo harmoniosamente,   por que alguns  não  as respeitam?

Para desenvolver seu texto, leve em conta:

- o individualismo e/ou o egoísmo das pessoas;

- o que é agir por conveniência;

-  onde as regras e os valores devem ser  ensinados.

quarta-feira, 3 de julho de 2013

Tema 136: "Vais encontrar o mundo, disse-me meu pai, à porta do Ateneu. Coragem para a luta."

O romance Ateneu é uma das obras mais importantes do realismo brasileiro. trata-se de uma narrativa  em primeira pessoa, em que o personagem Sérgio, já adulto, conta sobre seu tempo de aluno interno no Colégio Ateneu. A ação do livro transcorre no ambiente fechado e corrupto do internato, onde convivem crianças, adolescentes, professores e empregados. É dado início do romance com o pai de Sérgio advertindo:

"Vais encontrar o mundo, disse-me meu pai, à porta do Ateneu. Coragem para a luta."

Escreva um texto dissertativo-argumentativo, em prosa, entre 15 e 40 linhas, sobre o tema proposto.

Tema 135: cavalheirismo?

Atitudes  tais como: abrir a porta do carro, pagar a conta,    carregar malas, segurar sacolas, puxar a cadeira etc. nos remetem ao comportamento de um cavalheiro, homem dos sonhos de todas as mulheres. 

###############

Significado de Cavalheirismo

s.m. Ação, característica, atributo ou comportamento de cavalheiro; qualidade de quem demonstra gentileza, cortesia, civilidade. 
########################

Na semana que passou, o tema e fonte de toda a vibração em nossas moléculas digitais foi o debate intensíssimo sobre o tal cavalheirismo, aquela coisa dos tempos de outrora. Debateu-se com paixão se abrir portas e puxar cadeiras era algo bom ou apenas uma forma mais disfarçada de exercício do bom e velho machismo.
Zagueiro apreciador das boas brigas, pretendo colocar aqui meus dez centavos de contribuição para com a cizânia geral, dizendo que, se abrir portas e puxar  cadeiras não chega a ser machismo, provavelmente é uma tolice digna de machistas, sejam eles homens ou mulheres.
Abrir portas e puxar cadeiras é tarefa para qualquer ser humano dotado de braços, um ao menos, estimados leitores. Por que um homem deveria fazer isso para uma mulher proprietária dos seus próprios braços e músculos, foge a qualquer noção do mínimo bom senso. 
O que estamos debatendo, imagino, são os nossos papéis tradicionais, que nos colocavam aos homens na função de quem soluciona, e mulheres na condição de quem era solucionado. Isso, me parece, sempre prejudicou a uns e outros, por não permitir a pessoas que atuassem de acordo com suas capacidades pessoais, condenados que eram a papeis sociais. 
Mas, eu saio de casa, pego um metrô, vou para todos os lados, e não vejo demonstrações dessas práticas ultrapassadas, onde quer que eu vá; Serão os meus olhos?
Eu vejo homens e mulheres carregando as suas compras, abrindo os seus carros, dirigindo os mesmos, colocando e retirando coisas do bagageiro, pagando pelo que colocaram no carrinho do super, levando e trazendo bebês, subindo e descendo escadas de ônibus, fazendo os cotidianos de seres humanos como seres humanos, e não como homens e mulheres membros de castas separadas da espécie humana. Cadê os exemplos de tratamento discriminatório?
 [...]
Graças ao progresso das nossas instituições e sim, ao feminismo, nos livramos de grande parte dessas tranqueiras.  Em áreas que dependem tão somente de cérebro e as admissões ocorrem por concurso, como na magistratura, as mulheres não apenas avançam, mas dominam. Setores ainda dependentes de força física parecem permanecer na condição de território masculino, e resta ver se isso é realmente físico ou cultural. Pode, e deve, ser ambos.
O que eu acho? Somos bastante iguais e bastante diferentes, homens e mulheres. Temos centenas de milhares de anos de prática de nossas diferenças de uma maneira extrema. Temos menos de duas gerações de treinamento em um mundo de igualdades. É inevitável que ruídos ocorram, de tempos em tempos, e para todos os lados. É meio inevitável que o mundo ainda favoreça os homens, que mandaram nele por milhares de anos. A questão é: isso está mudando, permanecendo igual, ou piorando?

A partir dos textos de apoio e de tuas vivências, escreve um texto dissertativo, com pelo menos 15 linhas, respondendo à pergunta:

O cavalheirismo  ainda existe hoje e é tido e aceito  como gentileza, sendo apreciado pelas mulheres; ou é  uma forma disfarçada de machismo, um romantismo falso, relacionado à ideia de que a mulher necessita de um homem para sobreviver?

Tema 134: obesidade

Não se trata de padrão de beleza, mas de vida saudável!

http://www.brasilescola.com/saude-na-escola/conteudo/obesidade-no-brasil.htm

http://www.revistapontoe.com.br/2012/05/obesidade-em-foco/

A partir dos textos de apoio e de tuas vivências, escreve um texto dissertativo, entre 15 e 50 linhas, sobre o tema:


OBESIDADE, UMA NOVA EPIDEMIA.

Ao desenvolver teu texto, tu deverás levantar possíveis  soluções para o problema.

terça-feira, 2 de julho de 2013

Tema 133: a importância de um elogio.

Podemos nos defender de um ataque, mas somos indefesos a um elogio. - S. Freud

Elogio é o enaltecimento de uma qualidade ou virtude de algo ou alguém. É uma ferramenta educacional utilizada também para motivar outras pessoas, aumentar sua autoestima ou corrigir um defeito. No âmbito empresarial, o elogio é a ação que reconhece, de modo não financeiro, formal e geralmente publicamente, desempenho e atos de destaque da pessoal e/ou grupo de trabalho.

Levando em conta os textos de apoio e tuas vivências, escreve um texto dissertativo, entre 15 e 50 linhas,  sobre o tema:

A IMPORTÂNCIA DE UM ELOGIO.

segunda-feira, 24 de junho de 2013

Tema 132: de que forma o envolvimento da juventude com instituições que visam à pratica do bem na comunidade onde moram ajudam na formação de cidadãos conscientes e solidários?

Leo Clube, Interact , e  a Ordem DeMolay são entidades filantrópicas que  exercem contribuições  sobre o local onde se situam.  Também há as Filhas de Jó,  uma Ordem com ideais semelhantes aos da DeMolay, mas para meninas, com idade compreendida entre  12  e 21 anos.   Todas objetivam  fazer o bem, mesmo que de maneiras  distintas, sendo que  as três  instituições usam mais a força jovem. Já a contribuição adulta fica mais a cargo da Maçonaria  que -  mesmo sendo algo que sempre gera dúvidas e receio -  também tem por objetivo principal o aprimoramento do indivíduo e do meio o qual ele está inserido. 




A partir do texto de apoio e de teus conhecimentos de mundo, escreve um texto dissertativo, respondendo à pergunta:  


De que forma o envolvimento da juventude com instituições que visam à pratica do bem na comunidade onde moram ajudam na formação de cidadãos conscientes e solidários?

UFSM:  20 - 25 linhas
UFRGS: 30 - 50 linhas
Enem: 15 - 30 linhas

domingo, 23 de junho de 2013

Tema 131: protestos

A mídia divulgou que a grande maioria, 78% dos manifestantes, disse que se organizou para ir à passeata pelas redes sociais.


 LÊ MAIS EM:




A partir dos textos de apoio e de  outras informações, escreve um texto dissertativo,   respondendo à pergunta:

Na tua opinião, o que motiva  tantas  pessoas  a  participarem  dos  protestos  que  estão ocorrendo no país?


UFSM - escrever entre 20 e 25 linhas.
UFRGS - escrever entre 30 e 50 linhas.

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Tema 130: gravidez na adolescência


A adolescência é uma fase bastante conturbada na maioria das vezes, em razão das descobertas, das ideias opostas às dos pais e irmãos, formação da identidade, fase na qual as conversas envolvem namoro, brincadeiras e tabus. É uma fase do desenvolvimento humano que está entre infância e a fase adulta. Muitas alterações são percebidas na fisiologia do organismo, nos pensamentos e nas atitudes desses jovens.

A gravidez é o período de crescimento e desenvolvimento do embrião na mulher e envolve várias alterações físicas e psicológicas. Desde o crescimento do útero e alterações nas mamas a preocupações sobre o futuro da criança que ainda irá nascer. São pensamentos e alterações importantes para o período.

Adolescência e gravidez, quando ocorrem juntas, podem acarretar sérias consequências para todos os familiares, mas principalmente para os adolescentes envolvidos, pois envolvem crises e conflitos. O que acontece é que esses jovens não estão preparados emocionalmente e nem mesmo financeiramente para assumir tamanha responsabilidade, fazendo com que muitos adolescentes saiam de casa, cometam abortos, deixem os estudos ou abandonem as crianças sem saber o que fazer ou fugindo da própria realidade.

O início da atividade sexual está relacionado ao contexto familiar, adolescentes que iniciam a vida sexual precocemente e engravidam, na maioria das vezes, tem o mesmo histórico dos pais. A queda dos comportamentos conservadores, a liberdade idealizada, o hábito de “ficar” em encontros eventuais, a não utilização de métodos contraceptivos, embora haja distribuição gratuita pelos órgãos de saúde públicos, seja por desconhecimento ou por tentativa de esconder dos pais a vida sexual ativa, fazem com que a cada dia a atividade sexual infantil e juvenil cresça e consequentemente haja um aumento do número de gravidez na adolescência.

A gravidez precoce pode estar relacionada com diferentes fatores, desde estrutura familiar, formação psicológica e baixa autoestima. Por isso, o apoio da família é tão importante, pois a família é a base que poderá proporcionar compreensão, diálogo, segurança, afeto e auxílio para que tanto os adolescentes envolvidos quanto a criança que foi gerada se desenvolvam saudavelmente. Com o apoio da família, aborto e dificuldades de amamentação têm seus riscos diminuídos. Alterações na gestação envolvem diferentes alterações no organismo da jovem grávida e sintomas como depressão e humor podem piorar ou melhorar.

Para muitos destes jovens, não há perspectiva no futuro, não há planos de vida. Somado a isso, a falta de orientação sexual e de informações pertinentes, a mídia que passa aos jovens a intenção de sensualidade, libido, beleza e liberdade sexual, além da comum fase de fazer tudo por impulso, sem pensar nas consequências, aumenta ainda mais a incidência de gestação juvenil.

É muito importante que a adolescente faça o pré-natal para que possa compreender melhor o que está acontecendo com seu corpo, seu bebê, prevenir doenças e poder conversar abertamente com um profissional, sanando as dúvidas que atordoam e angustiam essas jovens.

Por Giorgia Lay-Ang
Graduada em Biologia
Equipe Brasil Escola

http://www.brasilescola.com/biologia/gravidez-adolescencia.htm


----------------------------------------------------
Um em cada 5 jovens tem filhos.
71%  dos jovens são pais sem  que  a gravidez seja planejada.
Média de idade entre as mulheres: 18 anos.
Média da idade dos homens: 19 anos.

Existem  diversos métodos contraceptivos: cirurgia, DIU, pilulas, injeções, anéis, cremes e géis, adesivos, etc.
A camisinha masculina é fundamental  para proteger contra DSTs e AIDS e é de baixo custo.
            (dados fornecidos pela médica Nilva Severo)
--------------------------------------------------------

A partir dos textos e de tuas vivências, escreve um texto dissertativo, com pelo menos 15 linhas,   sobre este tema: 

A gravidez precoce pode estar relacionada com diferentes fatores, desde estrutura familiar, formação psicológica e baixa autoestima, podendo  acarretar sérias consequências para todos os familiares, mas principalmente para os adolescentes envolvidos, provocando (mais) crises e conflitos.

ATENÇÃO!!!
Para escrever teu texto tu deverás  escolher pelo menos um fator relacionado aos altos índices de gravidez entre adolescentes, bem como deverás lançar proposta(s) de solução  para  redução do número de gravidezes entre os jovens.

terça-feira, 4 de junho de 2013

Tema 129: Concurso ZH/UNIFICADO 2013

QUESTÃO DE REDAÇÃO
Escrever um texto dissertativo é uma tarefa bem diferente do ato de escolher a alternativa correta em uma questão
de múltipla escolha. Mas ambas são fundamentais para o vestibulando conquistar uma vaga na universidade sem maiores
sobressaltos.
Obter uma boa pontuação nas provas de redação parece, para muitos estudantes, uma simples questão de reunir
frases de cunho opinativo e generalista, abordando como for possível o tema proposto pela banca. Porém, os
professores que trabalham na correção das redações alertam: mais do que se expressar corretamente, os candidatos
à vida acadêmica têm de deixar bem claro, no texto, que possuem um ponto de vista próprio sobre o assunto da
dissertação.
(Zero Hora, 17 de fevereiro de 1999.)
“Sempre que dizem que o jovem não escreve bem, estão se baseando na redação do vestibular, que é o grande
momento da amostragem que se tem do que os jovens escrevem. Ora, dizer isso seria atribuir à redação do vestibular
um status de ser um excelente meio de verificar a competência dos jovens, o que não é. O aluno escreve mal na
redação do vestibular. Ela é artificial, é uma situação em que faltam quase todos os ingredientes da redação: não há
entusiasmo, interesse, estímulo; não existe um leitor, por isso eles escrevem mal.
(...)
O vestibular, além de ser a maneira de medir os alunos que devem entrar, pois é o vestíbulo, passou a ter uma
força de coerção muito grande sobre o programa do ensino médio. O que a universidade resolve incluir no programa
do vestibular, automaticamente, no ano seguinte, estará no programa do ensino médio. Essa é uma forma de a
universidade influir na sociedade. A inclusão da redação tem essa finalidade: obrigar as pessoas a tratar a redação
na escola (...)”
(Trechos de entrevista do professor Cláudio Moreno ao Jornal da Redação, publicada em dezembro de 1997.)
“A redação é a única prova em que o candidato é solicitado a pensar autonomamente. Em todas as outras provas,
sem exceção, o candidato responde a uma pergunta cuja resposta já está dada, só que ela está disfarçada entre cinco.
A tarefa do aluno é descobrir, da melhor maneira possível, qual é a correta entre as cinco. (...) E a redação é uma
prova ao contrário de todas as outras, porque ela não tem uma resposta certa: ela tem “N” respostas certas.
Na redação, o candidato tem de perceber que está sendo solicitado a pensar autonomamente.
(Trechos de entrevista do professor Luís Augusto Fischer aoJornal da Redação, publicada em julho de 1997.)

Levando em consideração as ideias contidas nos trechos acima e sua própria opinião acerca da realidade do
vestibular, você está sendo solicitado a posicionar-se sobre a seguinte questão:

NA SUA OPINIÃO, A REDAÇÃO É UM BOM INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO
 DOS CANDIDATOS PARA INGRESSO NA UNIVERSIDADE?

Fique claro que não estará em julgamento a posição que você irá tomar, mas sim a clareza e a coerência
do raciocínio que irá produzir.
A dissertação deve ter a extensão mínima de 30 linhas e máxima de 50, considerando-se letra de tamanho regular.
Utilize caneta; lápis apenas no rascunho.

sábado, 18 de maio de 2013

Tema 128: Quando todos se enxergarem como iguais, as diferenças não farão diferença.




Muito se fala sobre a igualdade social, a igualdade de nossos direitos. De fato  todos deveríamos  ter os mesmos direitos à saúde, à educação, à  alimentação, à cultura etc.  Entretanto é  possível perceber  que reivindicamos igualdade, mas nos esquecemos do respeito às diferenças.
Na verdade, somos todos diferentes. Cada indivíduo com suas peculiaridades, etnia, credo, política, valores e costumes. Somos um povo diferente e, portanto, precisamos conviver com as diferenças da melhor forma possível. O respeito ao outro e as suas peculiaridades é fundamental, pois assim temos a possibilidade de contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e  sem discriminações, sem preconceitos, afinal não queremos fomentar a ignorância.



Ninguém é igual a ninguém. Todo o ser humano é um estranho ímpar.


A partir dos textos de apoio e de tuas vivências, escreve um texto dissertativo, em prosa, com pelo menos 15 linhas, sobre o tema:


Quando todos se enxergarem  como iguais, as diferenças não farão diferença.